[Resenha] Os órfãos de Deus - Victor F. Miranda

09:00


Resolvi ler este conto depois de ver a indicação da Adriana, do Redatora de Merda, e não há arrependimentos. Estou bem acostumada com filmes que retratam crianças más e psicopatas, mas nunca tinha lido nada do gênero.

As 4 da manhã, a irmã Mariana é acordada porque há um policial insistindo em deixar uma menina no orfanato. Mariana tenta negar que a menina, Alice, permaneça no local porque a criança aparenta ser muito meiga e doce. Um perfil que claramente não se encaixa no local onde só há crianças desajustadas, agressivas e vítimas de abuso e violência.


Não tendo para onde levar a garota o policial faz uso da autoridade informando que irá deixa-la ali até encontrar algum familiar responsável. Informa também que ela se encaixa nos padrões do orfanato porque foi encontrada escondida em um banheiro e que seus foram encontrados mortos na cozinha provavelmente devido a uma briga doméstica.

Mesmo sabendo de tais fatos a presença doce da menina desperta em Mariana o desejo de protege-la das outras crianças. Essa aproximação, obviamente, causa inveja e ciúme nas outras crianças e desconforto nas outras irmãs que trabalham no local que a acusam de favoritismo.

O cenário está montado... E daí você pode aguardar por cenas violentas e momentos de tensão. Algo que muito interessante foi como o autor nos mostra crianças manipulando umas às outras e que situações bizarras podem gerar atitudes absurdas devido a sensação de desespero e de não saber o que fazer da personagem.

O que me causou estranheza na leitura é que essa aproximação acontece muito rapidamente, mas entendo que foi necessário pois é um conto. Não há muito espaço para o autor desenvolver e explorar a relação das personagens detalhadamente.

Foi interessante ter a experiência de leitura com uma temática que estava acostumada apenas em filmes. E provavelmente esse hábito, juntamente com a excelente escrita do autor, acabou me fazendo imaginar as cenas da história com tanta clareza que na minha mente parece que eu assisti a um filme.

Adorei o título desse conto porque durante a leitura você consegue perceber que ele faz total sentido em relação as crianças. Infelizmente não existe edição física deste livro e ele que merecia uma arte visual melhor para capa. Pois mesmo que “não se deva julgar o livro pela capa” ela continua sendo a propaganda dele.

Caso você tenha se interessado pelo livro confira o link aqui embaixo junto com algumas outras histórias do autor que estou interessada em ler.

Adquirindo estes ou outros produtos pelo link do blog você ajuda na manutenção do mesmo sem pagar nada a mais por isso.

➤Os Órfãos de Deus: AMAZON
➤A mulher que dormia com demônios: AMAZON
➤Contraversão (Finalista do Prêmio Rio de Literatura): AMAZON

Se você já tiver lido algum deles, por favor, deixe um comentário que eu vou amar saber a sua opinião.

Acompanhe Aquela Geek nas redes sociais: Instagram | Twitter | Facebook | Skoob



Criadora do Aquela Geek.
Biomédica e apaixonada por livros e filmes.

You Might Also Like

0 comentários

Like us on Facebook